Conhece as melhores ferramentas para afiliados

Saber Mais


	

Características de um bom vendedor‌

Tempo de leitura: 5 min

Escrito por Alana redatora
em abril 18, 2021

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

O trabalho de vendas não é um serviço fácil, é importante saber vender. É claro que existem produtos que são tão necessários que o vendedor não precisa fazer muito esforço, mas ainda assim existe um longo caminho a trilhar para promover os produtos.

Ser um bom vendedor é um verdadeiro desafio para muitas pessoas. Diante da variedade de produtos, fabricantes e vendedores, e considerando a procura relativamente baixa nos tempos em que vivemos, pode ser difícil se destacar nas vendas.

Mas não fique preocupado, vamos te ajudar a ver quais são as principais características de um bom vendedor.  

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, ter sucesso nas vendas nem sempre está relacionado ao produto, ou a sua qualidade.

Pode ser que você tenha um produto de excelente qualidade e ainda assim não consiga vender, ou talvez, você saiba que seu produto não é dos melhores, mas ainda assim as vendas estão indo relativamente bem.

Isso é normal, existem vários fatores que podem acabar ajudando ou atrapalhando na hora de atrair as pessoas, e existem táticas que dão bons resultados nesse sentido.

É isso que nós vamos ver, algumas das características que um bom vendedor precisa ter para atrair a clientela.

Para aprender e desenvolver as características de um bom vendedor é importante saber alguns aspectos relevantes a respeito do negócio, por exemplo: Quem será sua clientela, quais são as necessidades dessas pessoas, onde você vai anunciar, onde você vai vender e etc.

Quem é sua clientela?

Quando falamos sobre quem é a sua clientela, não estamos apenas falando sobre o nome das pessoas que costumam comprar na sua mão.

Conhecer a clientela pode ser bem mais complicado, você precisa entender o que as pessoas realmente buscam e entregar aquilo que mais se encaixa no interesse do cliente.

Há uma grande diferença entre o que uma pessoa realmente quer e o que ela compra, ou o que ela procura. Isso acontece porque as pessoas nem sempre sabem explicar qual a verdadeira intenção delas.

Nesses casos o vendedor precisa ser praticamente um psicólogo, você precisa entender um pouco dos aspectos na vida do cliente para interpretar a necessidade dele.

Por exemplo, você tem uma pequena loja de roupas em sua vizinhança, e você conhece um pouco da história de seus vizinhos.

O filho mais velho do seu vizinho acabou de conseguir um emprego em um escritório. Ele vai até a sua loja para comprar, quais informações você tem?

Você sabe que é um jovem, então poderia oferecer uma roupa mais despojada, mas você sabe que ele acabou de começar um emprego novo em lugar que exige roupas mais formais, então o que ele provavelmente está buscando é uma roupa para trabalho.

É claro que no exemplo acima nós criamos o cenário perfeito, onde você como vendedor sabe de todos os fatos a respeito do cliente.

Mas na vida real isso nem sempre acontece, é quase impossível saber o que está na cabeça do consumidor. Mas espere, se concentre no “quase impossivel”, isso significa que não é fácil, mas também não é impossível. 

Uma das características de um bom vendedor é saber fazer as perguntas certas, fazendo boas perguntas você consegue identificar as necessidades do seu cliente. 

Crie perfis

À medida que você faz perguntas para conhecer as pessoas, é como se você estivesse estudando as necessidades de consumo delas, e quando você estuda  as necessidades das pessoas da sua vizinhança, ou dos seus clientes habituais, é bem mais fácil atrair e vender para essas pessoas.

Entender as necessidades da clientela é uma excelente estratégia, assim, quando estiver renovando o estoque, você vai buscar repor os itens de acordo com o interesse das pessoas, e é aí que as vendas decolam.

Com as informações que você reunir, é possível criar perfis de consumo, e esses perfis são importantes na hora de traçar estratégias de divulgação.

Você pode montar os perfis com diversas informações importantes, como: sexo, idade, renda, cultura, educação e diversos outros aspectos. Depois de criar os perfis de consumo, você pode criar um único perfil que possa agrupar as características das pessoas.

Com um perfil geral é possível adotar as medidas de divulgação mais eficazes para as pessoas que você pretende alcançar.

Escolhendo o produto

Esta é uma etapa importante, e a capacidade de escolha é uma das características de um bom vendedor. Se você ainda não começou a trabalhar com vendas e ainda nem escolheu o produto, isso pode ser ótimo.

Agora você já tem um pouco de noção do que é preciso fazer antes de escolher os produtos que irá anunciar.

Sabendo das necessidades das pessoas em sua vizinhança você tem muito mais chances de conseguir trazer um produto que atenda a necessidade da maioria das pessoas.

Para fazer isso, volte ao tópico anterior e entenda um pouco a respeito dos perfis de consumo.

Aqui vai outra dica a respeito do produto: Considere as suas preferências. Isso mesmo, pense nas suas necessidades, não apenas como consumidor.

Tente escolher um produto ou um ramo de trabalho com o qual você tenha afinidade. Não adianta trabalhar com venda de roupas só porque o ramo parece estar em alta.

Essa não é uma boa estratégia. Escolha um ramo onde as suas principais atribuições se destaquem, um ramo com o qual você já tem alguma experiência, ou com o qual você tem admiração pelos produtos.

Essa é uma das características de um bom vendedor, saber procurar um ramo que destaque suas qualidades.

Identifique os problemas

O ideal é que esta etapa seja realizada antes de escolher um ramo ou produto. Já destacamos a importância de criar perfis de consumo, mas além disso identifique os problemas com o ramo ou ramos com os quais você está planejando trabalhar.

Veja onde seus concorrentes estão errando e corrija, veja qual a real necessidade das pessoas na localidade e atenda. Não ofereça um produto que não tenha relação nenhuma com a sua região.

O que você precisa entender é que não adianta vender algo que as pessoas não precisem. Por exemplo: Você mora em uma região árida. Sem rios, lagos ou mar.

É claro que você não vai vender produtos náuticos. Por melhores que sejam, ninguém vai comprar essa é uma realidade.

Esse é um exemplo exagerado, mas serve para te ajudar a entender como identificar os problemas da região, você precisa pensar nas condições locais para escolher um bom ramo de trabalho.

Espero que esse artigo tenha te ajudado a ver quais são as características de um bom vendedor e como cultivar essas características. Se você gostou da matéria não deixe de compartilhar com outros e pode deixar suas dúvidas nos comentários.

Compartilhe agora mesmo:

Comece pelo nosso treinamento gratuito

Como Criar Um Negócio Online Do Absoluto Zero

Se você está a começar e não sabe nada, este curso vai ajudá-lo a criar bases para começar um negócio online.

Os seus dados estão seguros.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.