O que é palavra chave e porque você precisa escolher isso corretamente


Comece pelo nosso treinamento gratuito

Como Criar Um Negócio Online Do Absoluto Zero

Palavra chave é a segunda maior preocupação do empreendedor digital depois de conhecer melhor o público alvo de seu nicho de mercado.

Na verdade todas as coisas que envolvem um negócio digital precisam ser observadas com muita atenção, porque uma depende da outra dentro do contexto final.

Não adianta ter um blog lindo se o conteúdo é ruim, não adianta ter artigos nomináveis se não for feito SEO, e não adianta criar conteúdo sem usar palavras chave.

Qualquer curso de marketing digital ensina que é importante fazer a busca de palavra chave, mas alguns empreendedores insistem em deixar isso para lá, e depois ficam se perguntando porque seus artigos e blog ficam abandonados.

Através das palavras chave é que seu blog, mini site, canal do youtube e todo tipo de página online consegue chegar até a primeira página de resultados do Google.

Isso pode parecer um pouco repetitivo, mas se você não aparece na primeira página do Google não consegue ter visitas orgânicas em seus projetos online.

As visitas orgânicas são aquelas pessoas que chegam até seu blog, ou mini site porque fizeram uma busca sobre o assunto que você aborda nesses locais.

Normalmente quando as pessoas falam tráfego orgânico relacionam apenas a “visitas gratuitas”, porque não são resultado de anúncios pagos.

Porém a verdade sobre o tráfego orgânico é que ele também seleciona as pessoas que estão mesmo interessadas no que você está oferecendo, daquelas que “caem de paraquedas” na sua página.

Ou seja, a chance de uma pessoa que vem através da pesquisa de palavra chave, querer mesmo ler os artigos do seu blog, é muito maior do que alguém que chegaria por ter clicado em um anúncio.

Se você leu nosso artigo sobre a importância do estudo do público alvo, entenderá bem como é importante que os visitantes da sua página estejam “engajados” com o conteúdo que está oferecendo.

Se ainda não leu, recomendo que leia pois é a coisa MAIS importante de um negócio digital, conhecer o público do seu nicho de mercado.

Pois bem, quando as pessoas fazem buscas no Google estão querendo ajuda para resolverem algum problema.

E é a partir daí que o os algoritmos analisam o que existe dentro da internet que possa atender ao que o usuário está buscando.

Antes de mais nada, é importante sempre lembrar que o Google é um prestador de serviços, e deseja que seus usuários tenham a melhor experiência possível.

É por isso que de tempos em tempos os algoritmos são atualizados, e que existem dezenas de requisitos que precisam ser preenchidos para aparecer na primeira página do resultado das buscas.

Alguns especialistas falam em mais de 200 exigências, mas ninguém sabe ao certo, porque isso nunca foi revelado abertamente.

Por isso, a maioria dos criadores de blog e empreendedores digitais trabalham na base do teste e do “erro e acerto” para conseguirem colocar seus projetos em uma boa posição.

Existem 10 lugares na primeira página para mostrar os resultados orgânicos, os anúncios aparecem logo na frente de tudo.

É crucial aparecer na primeira página, mas é muito importante ficar antes da dobra da página (quando o usuário precisa rolar para ver os próximos resultados).

Para entender isso basta prestar atenção em como você mesmo faz pesquisas.

Aposto que dificilmente vai até a segunda página. Temos o hábito de olharmos os 3 primeiros resultados, quando muito os 5 primeiros.

Então, ranquear seu blog, seus artigos, seus mini sites é extremamente importante para ter as tais visitas orgânicas.

 

Como o Google “guarda” a palavra chave de cada busca

 

Como o Google “guarda” a palavra chave de cada busca

 

Uma coisa muito curiosa é que o banco de dados do Google guarda as pesquisas exatamente como elas são feitas.

Ou seja, mesmo que o assunto for digitado com erro ortográfico, ele ficará armazenado, e sempre algum resultado é mostrado para o usuário.

É por isso que quando fazemos uma pesquisa de palavra chave no Google Keyword Planner sempre aparecem termos escritos de forma errada, pois muitas pessoas escrevem como falam sem se preocuparem com a grafia.

Quando isso ocorre, logo na primeira linha o Google pergunta:

“Pesquisar por ISSO ao invés daquilo?”

Porque o algoritmo reconhece que a palavra foi escrita errada, e dá a opção para o usuário “arrumar” sua busca.

Se o usuário mantiver a busca escrita do jeito errado, ela entrará para o banco de dados e aparecerá no planejador de palavra chave quando alguém procurar pelo assunto em questão.

É por isso que às vezes alguns blogs tops apresentam termos escritos de maneira errada, estão na verdade aproveitando a palavra chave diferente e tentando ranquear para ela.

Essa é uma boa estratégia para ter uma palavra chave menos concorrida e assim conseguir chegar mais rápido na primeira página.

 

Semântica e resultados por proximidade de assunto

 

Lembra que eu falei lá em cima que os algoritmos passam por atualizações periódicas?

Então, essas atualizações estão deixando o Google cada vez mais inteligente, pois assim ele consegue trazer resultados realmente relevantes para seus usuários.

Assim, hoje existe uma coisa chamada busca por semântica, que é quando o Google mostra resultados que são parecidos com o que foi buscado, mas não literalmente igual.

Assim, se o usuário digitar “calçada”, podem aparecer assuntos sobre calçamentos de ruas e também notícias sobre sapatos femininos, e a escolha do usuário é que mostrará para o Google o que ele estava mesmo procurando.

Com essa possibilidade, ficou bem mais justo escrever artigos para blog, pois não precisamos mais focar em uma palavra chave específica insistentemente, podemos usar termos semelhantes também.

Antigamente era necessário repetir várias e várias vezes a palavra chave exata para o Google “entender” que estamos querendo ranquear para aquele termo.

 

Palavras chave do nicho de mercado

 

Agora que você entendeu como funciona a pesquisa por palavra chave, precisa entender como usar isso dentro do seu negócio digital.

Depois de escolher seu nicho de mercado precisará fazer o estudo do público, e então pesquisar as palavras chave que são relevantes para o seu negócio.

Nem sempre todas as palavras do nicho serão interessantes, principalmente se for um nicho abrangente e você for trabalhar apenas com uma parte dele.

Por exemplo: Um advogado trabalhista encontrará milhares de palavras chave do nicho de advocacia, mas deverá usar apenas as que estiverem dentro do seu nicho de atuação para engajar melhor o público.

 

Palavras chave do blog

 

Palavras chave do blog

 

Quando você cria um blog é importante eleger as palavras chave dos assuntos que você vai publicar.

Você conseguirá saber melhor a abrangência do seu nicho criando uma pauta de conteúdo, que também é uma parte essencial do negócio digital, principalmente quando envolver um blog autoridade, ou blogs de nicho.

Para mini sites não é necessário fazer a pauta, pois o ideal é que ele tenha apenas um artigo voltado para vendas.

Normalmente, quem cria um blog autoridade dentro de um nicho de mercado concorrido, escolhe para nome do blog alguma palavra chave relevante.

Isso não é uma regra, mas o domínio possuir uma palavra chave ajuda bastante na hora do ranqueamento.

Usar essa palavra chave na página “sobre” dará mais força para ela e ajudará a ranquear essa página também, fazendo o blog ser encontrado mesmo em buscas mais abrangentes do nicho.

 

Palavras chave do artigo

 

Palavras chave do artigo

 

Por último, temos as palavras chave que irão nos artigos.

É preciso indicar uma palavra chave principal, e espalhar outras secundárias ao longo do texto.

É indicado usar essa chave principal entre 0,5 e 1,5% da quantidade total de palavras do texto. Assim, um texto com 2 mil palavras precisaria ter entre 10 e 30 vezes a palavra chave exata (umas 12 vezes está de bom tamanho).

Colocar uma quantidade de palavras chave menor que 0,5% deixará o texto pouco otimizado e colocar mais que 1,5% sugerirá ao Google uma super otimização que não é bom e pode sofrer penalização.

 

Quantidade de pesquisas

 

Sempre que fizer uma pesquisa de palavras chave precisará observar qual a quantidade de pesquisas feitas em cada uma.

O Planejador do Google possui essa informação (para quem anuncia no Adwords), e o Ubsersuggest do Neil Patel também.

A quantidade de pesquisas é importante para saber o quanto os termos são mais buscados, e como falei lá em cima, considere também os termos que foram escritos errado.

Alguns especialistas em SEO dizem que trabalhar com palavras chave que possuam mais de 1000 buscas é um bom número, mas com o Google trabalhando também com semântica, é importante não deixar nenhum termo para trás, mesmo com poucas buscas.

Quando tiver uma lista completa das palavras chave que desejará trabalhar em seu blog, precisará dar uma analisada na concorrência para ver como poderá fazer para competir, mas isso é assunto para outro artigo.

O mais importante é escrever artigos fluidos, fáceis de ler e entender.

Respeite sempre o seu público e escreva de forma que ele entenda e também possa interagir.

A colocação das palavras chave não deve nunca deixar o texto amarrado ou difícil de ler, pois assim não conseguirá atrair a atenção da sua audiência.

 

A importância da cauda longa para seu ranqueamento

 

Com certeza você já ouviu falar na expressão “cauda longa” quando se fala de pesquisa de palavras chave.

Esse termo é usado para indicar as expressões mais complexas que são buscadas na internet.

Um bom exemplo é a pesquisa: “como ganhar dinheiro na internet trabalhando em casa”.

É uma busca muito específica, pois trata-se de alguém que deseja ganhar dinheiro na internet, mas apenas trabalhando em casa.

O mais importante dessa palavra chave não é ela ser muito específica, mas sim a quantidade de palavras menores que ela contém.

Lembra que falei que o Google trabalha com semântica?

Então, quando alguém digita uma pesquisa extensa assim os resultados trazem TUDO que contiver as palavras que foram digitadas.

Veja como desmembramos essa palavra chave:

Como ganhar dinheiro na internet trabalhando em casa (completa)

Dessa primeira expressão temos essas outras palavras aqui:

  • Como ganhar dinheiro
  • Como ganhar dinheiro na internet
  • Como ganhar dinheiro trabalhando em casa
  • Dinheiro na internet
  • Ganhar dinheiro na internet

Percebe que de uma expressão mais completa podemos tirar outras menores?

O Google faz exatamente isso. Quando uma cauda longa é digitada ele pesquisa TUDO que estiver na internet contendo cada palavra que está na busca.

É assim que muitos artigos aparecem ranqueados sem terem exatamente trabalhado uma determinada palavra chave específica.

É mais difícil escrever artigos com cauda longa, por causa da repetição da frase que precisa ser natural, mas na hora do ranqueamento esses textos terão muito mais chance do que os que apenas dão atenção a uma palavra mais simples.

Em sua pesquisa de palavras chave não deixe de prestar atenção nas caudas longas que surgirem, pois elas é que darão uma sustentação melhor para seu blog em termos de SEO para o Google.

 

Considerações finais sobre palavra chave

 

Como você viu ranquear um blog na primeira página do Google é essencial para seu negócio, e a pesquisa de palavras chave é a base para fazer isso corretamente.

Existe uma série de passos e preocupações posteriores, mas ter uma pesquisa bem feita é meio caminho andado para conseguir escrever sempre textos que você terá certeza que estão bem otimizados.

Descartar a pesquisa, ou fazê-la de qualquer jeito deixará o blog fraco, impedindo que ele concorra lado a lado com os que estão ranqueados e consiga seu lugar na primeira página.

Mesmo em nichos muito concorridos como o de ganhar dinheiro na internet, é possível encontrar brechas inteligentes nas buscas de palavras chave, e é exatamente aí que quem faz uma boa pesquisa consegue aparecer.

Normalmente os termos mais buscados possuem grandes blogs e sites ocupando o primeiro lugar do resultado das buscas.

Isso não impede de trabalhar com palavras chave com menor número de buscas e ranquear o blog para esses termos deixando-o fortalecido para concorrer nos termos melhores.

Ter um negócio online requer bastante estudo e dedicação, mas depois que a estrutura está montada e funcionando os resultados começam a aparecer e tudo ficará mais claro.